shop-cart

Lendo: Gentrificação? Retalhando a Quinta da Boneca!

Gentrificação? Retalhando a Quinta da Boneca!

Gentrificação? Retalhando a Quinta da Boneca!


A cidade das Caldas vai crescendo e as micro parcelas de Mata Secular na Estremadura, que se estendeu de Alcobaça à Lourinhã, são cada vez menos. Desde a plantação do Pinhal de Leiria que a flora da Zona Oeste tem vindo a ser destruída, com a introdução posterior do agro-negócio, do turismo de luxo, da especulação imobiliária e do desenvolvimento económico. As poucas áreas com flora secular, reconhecidamente com a flora em risco, onde existe até uma planta que se considerava extinta, zona de habitação de várias espécies de animais e de nidificação de várias aves e local de passagem de outras nas suas rotas migratórias, estão a ser ameaçadas com acordos de construção de habitações de luxo ou agricultura intensiva

Em 2019, a construtora Linto & Marques assinou um contrato de compra de uma parcela da Quinta da Boneca para a construção de vivendas com piscina. Na Quinta da Boneca existe o aqueduto e os túneis que forneciam a água à população através do Chafariz das 5 Bicas, construído em 1748. O terreno adquirido está próximo de outro espaço verde onde existe uma fonte, que a população chegou a utilizar para se abastecer de água, e parte da flora centenária. A Quinta é conhecida pelas suas grutas e túneis subterrâneos que vão transportando água para a fauna e flora dos espaços verdes. Na parcela comprada existe uma floresta autóctone e um ecossistema frágil.

Num estudo de 2008, foram identificadas fortes razões para se proteger aquela área. Sendo uma delas a descoberta de uma espécie de planta (Fissidens exilism) considerada extinta, na altura na lista vermelha dos Briófitos da Península Ibérica. As abelhas, que correm perigo globalmente, encontram na Quinta da Boneca um refugio importante.

Esta empresa já realizou vários investimentos noutras quintas que criam um cordão que vai ligar a Quinta da Boneca, a Quinta de S. José, para agricultura intensiva, e a Quinta de Santo Isidro, para a construção de 21 moradias com piscina privada. Estes investimentos estão encostados à Mata Rainha D. Leonor e ao Parque da Cidade com um projecto de hotelaria de luxo pela Visabeira.

Para «parar a destruição do pulmão florestal no centro das Caldas da Rainha», foi lançada uma petição onde se exige à Câmara local que revogue a licença de construção na Quinta da Boneca.

……….

Assina o Mapa

Assina o Mapa

A story about


Written by

Jornal Mapa

Show Conversation (0)

Bookmark this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

0 People Replies to “Gentrificação? Retalhando a Quinta da Boneca!”