Economia é a tua Tia!

O paradigma da actividade bancária alterou-se substancialmente nos últimos 30 anos, coincidindo, não por acaso, com a actual fase da globalização capitalista assente na desregulação dos diversos mercados e no predomínio do capital financeiro. Os bancos deixaram de ser instituições que guardavam poupanças, emprestavam dinheiro ou trocavam Mais...

Jornal Mapa | Publicado há 4 anos
Júlio Silvestre  | Quarta-feira, 27 de Março de 2013
0 comentários

Tecnologias De Controlo

A afirmação do Estado moderno tem como pilar fundamental do seu exercício a utilização do aparato tecnológico com o propósito de agilizar o controlo social. A tecnologia tornou-se fulcral para a manutenção Mais...

Jornal Mapa  | Quarta-feira, 20 de Março de 2013
0 comentários

A evolução do bastão

É digna de nota a evolução organizacional das polícias, com a criação de corpos mais especializados a partir das décadas de 1970/1980, quando, em resposta à actividade de diversos grupos armados, também Mais...

Jornal Mapa  | Quarta-feira, 20 de Março de 2013
0 comentários

O dever da denúncia

“Ir até onde nos permite a lei e inclusive mais além.” Felip Puig, Ministro de Interior do governo autónomo da Catalunha, referindo-se até onde estava disposto a chegar o Estado na resposta aos distúrbios Mais...

Jornal Mapa  | Terça-feira, 19 de Março de 2013
1 comentário

A violência legalizada

O Mapa quis esclarecer algumas dúvidas sobre legalidade e legitimidade, que surgiram a propósito de actuações mediáticas dos órgãos do Estado nos últimos tempos. Para tal, colocou-se a pergunta a José Preto Mais...

Jornal Mapa  | Domingo, 17 de Março de 2013
0 comentários

A extorsão legalizada

Dirigi-me, não inocentemente, a um bar de um amigo na margem sul do Tejo e acabei por ter uma muito boa conversa sobre tudo isso que tanto se fala em todos os estabelecimentos comerciais desse Portugal fora: Mais...

Jornal Mapa  | Domingo, 10 de Março de 2013
0 comentários

Grades Invisiveis

Receita para cometer um assassínio e sair impune 1º- Escolher uma vítima pobre, de preferência de uma etnia minoritária. A receita é tão eficaz que pode até ser uma criança de 14 anos; 2º- Apanhá-la numa Mais...