shop-cart

Lendo: Caso Vecchi: o folhetim continua

Caso Vecchi: o folhetim continua

Caso Vecchi: o folhetim continua


Em Dezembro passado, na edição online do Jornal Mapa demos conta da recusa da justiça francesa em extraditar Vincenzo Vechhi para Itália e do posterior recurso sobre essa recusa por parte do procurador de Angers.

No passado dia 26 de Janeiro, o Supremo Tribunal de Justiça (cour de cassation) rejeitou o recurso do procurador, validando assim o facto de a defesa ter, desde o início, colocado questões pertinentes e legítimas, como havia já sido confirmado pelos Tribunais da Relação (cours d’appel) de Rennes e Angers.

Por outro lado, acabou por solicitar ajuda ao Tribunal de Justiça da União Europeia por causa da complexidade jurídica do caso e adiou a sentença definitiva, que está agora marcada para uma audiência a decorrer no dia 22 de Junho.

Em reacção, o Comité de Apoio a Vincenzo Vecchi afirma que «ainda que este assunto apaixone a justiça, esta decisão é novamente inviável a nível humano para o Vincenzo. Para além do mais, implica tempo, dinheiro, empenho (advogados, audiências, deslocações, …) para o comité de apoio.» Para Vincenzo Vecchi, que continua a ver a sua vida em suspenso, as consequências são ainda piores. «Esta demora é insuportável e a justiça francesa tinha todos os elementos para anular este mandado de detenção europeu», conclui o comité.

O folhetim nas páginas do MAPA

As revoluções não se fazem com ramos de flores

Liberdade para Vincenzo

Justiça francesa recusa extraditar Vicenzo Vechhi


Written by

Teófilo Fagundes

Show Conversation (0)

Bookmark this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

0 People Replies to “Caso Vecchi: o folhetim continua”